quinta-feira, 1 de setembro de 2011




Sonho Eterno


Neste mundo, não existem movimentos rotatórios...
O meu 'Eu Lírico' dá lugar ao meu 'Eu Ilusório'.
De olhos fechados, respiração calma,
Um sono pesado, meu ser não se movimenta...
O nascer das cores que alimenta
O inebriante descanso da alma!

Crio um ambiente onde meus pesares fenecem.
Ignoro as barreiras, faço com que obstáculos cessem.
Não existe o tempo, é sempre cedo...
Perecem os estalos das horas calculadas,
Morre a preocupação em nós congregada
E os olhos fundos que tremem de medo.

Imagino amigos, espaços, tempos e amores...
Uma vida sonhada anula os rancores,
Nem existe o horror abrupto da despedida,
Onde o lúcido ignora o imaginário,
Sem a frialdade contida em um mercenário,
Nem os abraços emudecidos por não conter vida!

Perdido entro o real e o ilusório,
Perplexo com o ato expulsório,
O meu sonhar sempre me ausenta
Da insensata vida corriqueira,
Do respirar acumulado de poeira,
E da vida central que nos orienta!

No último verso de minhas ilusórias frases,
Acomodo-me suspenso entre as bases...
Volto a 'realidade' que a nós foi imposta.
Retorno aos dizeres comuns da sociedade,
Procurando neles alguma verdade.
Eu crio perguntas e não respostas!


- Sérgio Schiapim









12 comentários:

Vanessa T. Santos disse...

Uma pena que sonhos não são eternos... a vida seria melhor se morasse-mos neles!!!

O post tá lindo!!!
Como sempre... PARABÉNS!!! Você realmente tem o "dom" para escrever!!

Bjuuuuuuu s2 Aislin ;-]

A.L.P. disse...

[aaaaaaaaaaaaaaaaaa] Vc me fez sonhar assim! *-* Perfeito! *o*

Cintia disse...

Sonhos.. eternos desejos da alma materializando-se em vida!Lindo poema...com sempre lindo!

Sissym disse...

Houve um tempo que eu viviva cheia de duvidas, haviam mais perguntas dentro de mim do que respostas. As respostas só as consegui amadurecendo e deixando de ver o sentido das coisas de maneira tao doce.

Beijos

Adriana Helena disse...

Puxa vida Sérgio... como você consegue escrever tão bem assim? É PERFEITO!Fiquei pensando agora: o seu poema é muito mais bonito do que os sonhos que tenho à noite... acho que meus sonhos estão mais para pesadelos mesmo... mas a sua poesia é leve e suave como um belo sonho!!!
Parabéns]
Beijos!

gisele disse...

Menino vc leva jeito pra coisa....
Tens que publicar um livro, com certeza fará muito sucesso.
Adorei.
Bjao

Flora Pires disse...

Sérgio querido!
Não consegues ter noção da emoção despertada por teus versos humanos, puros, profundos, honestos e arrebatadores!
Não são meus olhos que se encantam, mas sim meu coração!
Parabéns, lindo e terno poeta!

Cecilia sfalsin disse...

Ei Sérgio,

Escreves com o coração, inspirado pelos sentimentos da alma, amei, muito lindo,cheio de verdades...

Beijos e parabéns pela tão bela inspiração..

mundo virtual disse...

Muito emocionante seu poema,tocante,escrito com o coração e alma,gostei meu amigo,você com certeza é um nobre poeta!
Abraços!

Carla disse...

Todos os poemas que li até aqui são emocionantes!!!!
Que junte todos e disto tudo nasça livro!!!!
beijos amigo poeta!

Gio, Infinitivo Perpétuo. disse...

Eu venho no meu blog e vejo tantos comentários, abro um sorriso no rosto, ele não fecha.
Obrigado ao carinho e as palavras de incentivo de todos os leitores!

Fatima Zanin disse...

Belo texto, sensível, gostei muito.
Abraço.

Postar um comentário